quarta-feira, 14 de outubro de 2009

Composições do Sorocaba

Sabemos que o um dos diferenciais da dupla Fernando & Sorocaba são as composições do Sorocaba, que as vezes também tem a co-autoria do Fernando, que formam o repertório da Dupla.

Porém as Composições do Sorocaba tem se estendido ao repertório musical de outros cantores, como é o caso do Luan Santana que atualmente trabalha com o sucesso "Meteoro" composta pelo Sorocaba.

Além do Luan Santana que atualmente possui 3 canções em seu repertório de autoria do Sorocaba o Grupo Tradição em seu novo trabalho gravou a música também de autoria do Sorocaba: "O Sol da Meia Noite".

Confiram no link:

http://www.divshare.com/download/8855113-ea0

Créditos: Blognejo

6 comentários:

  1. Nossa euh amo de mais esses caras!!!

    ResponderExcluir
  2. olá estamos enviando nosso vídeos pois estamos em busca de alguém que enxergue em nós o nosso talento tenho certeza que ñ vai se arrepender
    se gostar indique para seus amigos
    http://www.youtube.com/watch?v=cjj88yVxEeA&feature=channel

    ResponderExcluir
  3. euh amooooo demais esses cantores amoooo as musicas deles eles são d+

    ResponderExcluir
  4. Sou locutor de rádio e os sucessos da dupla Fernando e Sorocaba estão sempre entras as mais tocadas!! Continuem!!! Wedson Oliveira.

    ResponderExcluir
  5. só quem é fera consegue o auge do sucesso com suas próprias composiçoes e ainda compoe sucessos para outros cantores .....pq ele é o fera da vez ... \o/ obrigado sorocaba por nos alegrar com suas composiçoes!!! levi_guerra

    ResponderExcluir
  6. O Sorocaba é um cara foda. Além de ser um puta compositor, canta pra cacete, toca violino, produz, arranja, dirige as câmeras de filmagem, ajuda os roadies a instalar os equipamentos e é dono dos chapéus mais estilosos do meio sertanejo. O Sorocaba é o grande responsável pelo fenômeno chamado Luan Santana. São dele os principais sucessos do Luan. Se o Luan chegou no topo, deve agradecer ao Sorocaba.

    Mas o Luan não fez isso. Não faz e nada indica que fará.

    Luan Santana apareceu nos principais programas da TV brasileira e em nenhum deles citou Sorocaba como seu tutor. Se fosse só pelo fato de ter ganhado de presente músicas memoráveis, isso já seria uma imensa ingratidão. Mas não é só isso. Não fosse o Sorocaba, Luan Santana talvez hoje fosse um estudante de Comunicação Social em Umuarama.

    A história nem é tão antiga, mas nesses tempos de imensa produtividade na música sertaneja, parece que foi a uma década atrás. Luan tinha apenas dezeseis anos e gravou uma música despretensiosamente, filmou a gravação e postou no Youtube para mostrar pros amigos. Tal qual um viral, “Falando sério” começou a tocar nas rádios e num belo dia, um contratante ligou pro pai dele pra agendar um show. Foi o marco zero do inicialmente conhecido como Gurizinho.

    Para o inevitável disco de estréia, além de “Falando sério” foi escolhida outra música. Entrou no repertório e foi escalada para ser trabalhada nas rádios “Sufoco”. E assim foi feito. Acontece que uma dupla já consagrada, famosa por se considerar os criadores do rótulo Sertanejo Universitário, numa jogada onde a ética ficou no banco de reserva, gravou as mesmas músicas, para impulsionar um disco que encontrava dificuldades em emplacar.

    Só vou dizer as letras iniciais e finais desta dupla. Começa com Jota e termina com Oão Bosco & Vinicius.

    Achou isso sacanagem? Eu também. Assim como Luan e a torcida do time sul-matogrossense Chapadão inteira. Com isso a estréia do Guzinho foi um fracasso absoluto. Embora Luan se esquive de admitir isso em entrevistas, afinal de contas agora tem várias camadas de assessorias de imprensa e evite polêmicas, na época pensou em desistir de tudo.

    Eis que Sorocaba entra na jogada e levanta a moral do menino. Põe em sua mão uma porrada de partituras de excelentes e inéditas composições, participa da gravação do show que resultaria em seu segundo disco. “Meteoro”, “Tô de cara” e “Minha boca você não beija mais” estouram em nível nacional e o resto é história. O Gurizinho virou Gurizão e em termos de piscicultura pantaneira passou de lambari pra trairão. Mas não fala da força que Sorocaba lhe deu em nenhum veículo de mídia.

    Achou isso sacanagem? Eu também. Assim como provavelmente o Fernando, o Sorocaba e desta vez a torcida do Flamengo inteira. Só que Fernando & Sorocaba não são uns moleques em inicio de carreira mendigando repertório. Eles estão na praça com um sensacional disco acústico. O hit “A Casa Caiu” estreou de cara nas melhores posiçòes da parada da Bilboard Brasil e “Celebridade” se encaminha para repetir o feito.

    Claro, como autor dos sucessos do Luan, Sorocaba vai estufar a cueca de notas de cem reais ao sair do banco. A questão não é essa. A questão é que, da mesma forma que Victor & Leo romperam o nicho sertanejo e se fizeram presentes junto ao público geral, as músicas de Sorocaba estão sendo cantadas de norte a sul, sem que ninguém saiba quem é o autor.

    Mas Sorocaba não desiste. Nunca. Agora ele está produzindo uma dupla inciante, Henrique e Diego. Se continuarem na linha sertanejo pop do primeiro disco deles, o aguardado segundo disco pode reproduzir em parte o sucesso de Luan.

    Esperemos que estes novos meninos utilizem, ao chegar no topo, as sandálias da humildade que Luan jogou fora.
    slash_dinho@hotmail.com

    ___________________________________________________________________________

    ResponderExcluir